Isolamento como estratégia

mar 31, 2020 by

“Consequências e recomendações, na perspectiva da Saúde Mental” O período de isolamento preventivo recomendado pelo Ministério da Saúde, orientado pela OMS e devido ao risco de adoecimento pelo vírus SARS-CoV-2, ainda não completou dez dias, em regiões metropolitanas como São Paulo e Rio de Janeiro. Porém, é espantoso como alguns comportamentos já preconizam a enormidade do desafio de enfrentar o que ainda está por vir, sob a óptica do equilíbrio psíquico e emocional. Como reflexo parcial dos ânimos, que agora estão acuados e em condição de reclusão em ambientes familiares; nas Redes Sociais, onde a fase de afastamento físico começou como uma espécie de feriado prologado (repleto de amizade, humor e certa “socialização digital”), aos poucos, estão aflorando as expectativas, os receios individuais e coletivos sobre a crise na saúde e na economia, e...

read more

Suporte on-line.

mar 30, 2020 by

Sobre o Prof. Dr. José T. Thomé. Psiquiatra e Psicoterapeuta especialista em situações de crises e transtornos da contemporaneidade; Membro do Corpo Clínico do Hospital Sírio-Libanês; Coordenador do Curso Psicoterapia e Intervenção Psicodinâmica em Situações de Crises – Estresse e Trauma, no Instituto Sedes Sapientiae-SP; Presidente da Unidade Brasil da Rede Ibero-Americana de Ecobioética – Cátedra UNESCO de Bioética; Presidente da Secção Psiquiatria em Crises e Desastres da Associação Mundial de Psiquiatria (WPA na sigla em inglês); Consulte informações sobre o Dr. Thomé – AQUI Conheça o curriculo do Dr. Thomé – AQUI Horários. Para informações sobre horários disponíveis para atendimento psicoterápico à distância (on-line), por favor, entrar em contato através do telefone: (11) 3661-7222. Ferramentas para comunicação à distância. Excepcionalmente, devido à recomendação de isolamento social preventivo sugerido pela OMS, o Dr. Thomé...

read more

Novo Coronavírus (2)

mar 17, 2020 by

“Crise e Saúde Mental” A população brasileira parece ter sido tomada de assalto por notícias sobre o Novo Coronavírus. Tão logo foram retiradas as fantasias do Carnaval, a alegria acabou. Informações sobre as consequências clínicas e econômicas advindas da pandemia, tardiamente reconhecida pela OMS, trouxeram a crise e suas comorbidades até dia a dia do país. E diante de momento tão crítico quanto inesperado, será imperativo que também seja dedicada atenção ao equilíbrio emocional das pessoas, que serão efetivamente afligidas pela doença (Covid-19), e das que não ficarão doentes, ou serão assintomáticas, mas terão vivenciado a mesma realidade disruptiva, e potencialmente danosa para a saúde mental, de qualquer ser humano. Por mais que exista um hercúleo esforço de coordenação e implantação de ações entre o Ministério da Saúde, as Secretarias de Saúde dos Estados...

read more