Descubra se você é cybercondríaco....

maio 23, 2022 by

“Busca excessiva por informações sobre doenças traz ansiedade e outros transtornos mentais” Reportagem de Ana Mosquera para a Revista Gama (@gamarevista), divulgada em 22/05/2022. Que atire a primeira pedra quem nunca especulou sobre saúde no mundo virtual. Fenômeno típico da contemporaneidade, a cybercondria (do inglês, cyberchondria, sendo cyber referente à tecnologia e chondria, desordem obsessiva) é caracterizada pela busca excessiva de informações sobre doenças, que transcorre num quadro de ansiedade desproporcional, segundo o Dr. Ivan Mario Braun, psiquiatra e doutor em Medicina pela Faculdade de Medicina da USP. “Na cybercondria, a pessoa fica compulsivamente buscando informações, o que acaba levando a uma procura médica mais frequente e a uma hipervalorização dos sintomas“, acrescenta o profissional.A automedicação também é consequência do problema – segundo o Conselho Federal de Farmácia, 77% das pessoas possuem esse hábito no Brasil, país que lidera o...

read more

PQU – Episódio #108

abr 13, 2020 by

PQU Entrevista Prof. José Toufic Thomé. Em tempos de pandemia e COVID-19 conversamos com o Prof. José Toufic Thomé. Ele é Professor do Instituto Sedes Sapientiae, Presidente da Unidade Brasil da Rede Ibero-Americana de Eco-bioética, Chair da Seção de Crises e Desastres da World Psychiatric Association, membro honorário do World Council for Psychoterapy e, como tal, participante da Comissão de Saúde Mental do Conselho Econômico da ONU; membro da Federação Latinoamericana de Psicoterapia e da Associação Médica Líbano-Brasil. É co-autor do livro “Intervenção em situações limite-desestabilizadoras. Crises e traumas”, publicado em 2009. Vale a pena ouvir as considerações que ele fez sobre o momento por que estamos passando. Ou ouça agora mesmo na sua plataforma preferida! 🎧 Soundcloud: https://bit.ly/2RrYYAA Apple: https://bit.ly/2RuEYNG Android: https://bit.ly/2RuhBns Windows Phone: https://bit.ly/2RtmfSr Spotify:...

read more

6 dicas para fazer um reset mental e encarar o ano com mais leveza...

jan 27, 2019 by

“Zere a mente antes de recomeçar.” Entrevista publicada pela Revista Cláudia, da Editora Abril, em 27 de janeiro de 2019. por Isabella Marinelli. 1.      Dê nome aos sentimentos O turbilhão cotidiano de informações faz com que nossa cabeça fique em estado permanente de desgaste, como um elástico esticado repetidamente. “Somos expostos a eventos destrutivos, como a violência urbana e o terrorismo. Notamos também, nos últimos meses, forte intolerância e agressividade no ar, cenas de discriminação, falta de paciência no trânsito e tensão, esta principalmente durante as eleições”, exemplifica José Toufic Thomé, psiquiatra especializado em transtornos da contemporaneidade, do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Segundo ele, o stress libera adrenalina e cortisol, substâncias que nos deixam em estado de alerta. “As doses constantes levam a um sentimento pesado e paralisante, o esgotamento.” Não conseguimos nos blindar de todos os eventos...

read more